Agronegócio

Ferrugem da Soja ataca lavouras do RS

Por -
Alguns produtores rurais tem reclamado a respeito do avanço das pragas em suas lavouras mesmo em estado já avançado da safra da Soja. Dependendo da região, cultivo e tipo de tecnologia utilizada, ainda temos por volta de 30 a 40 dias de condução das lavouras, enquanto algumas regiões estarão no início das colheitas outras a cultura se apresentará em enchimento de grãos.


O monitoramento semanal da lavoura é importante para que seja possível a identificação imediata da ocorrência da ferrugem. Os produtores devem estar atentos às informações da sua região, ao identificar o caso na propriedade, o ideal é contar com a orientação de um especialista técnico e fazer uma aplicação antes que o fungo seja espalhado com o vento.


De acordo com Vancarlo Zanchi, Gerente Técnico da Agrofel Grãos e Insumos, os produtores rurais estão sendo assistidos pela equipe, cada caso é conduzido com cautela, os testes sendo aplicados e os fungicidas sendo ativados nas lavouras. Os resultados estão se mostrando superiores no controle da ferrugem, além disso, os produtores rurais estão mais abertos para novos ativos, confiantes na diferenciação dos produtos oferecidos e o conhecimento técnico da equipe tem agregado valor ao trabalho realizado junto ao produtor.


Se o produtor rural desconsiderar tal orientação técnica, em alguns casos, poderá perceber os sintomas tarde demais, comprometendo assim a eficiência da lavoura, por isso, a orientação se faz necessária, principalmente, para agir no momento certo com a aplicação do fungicida.




Diagnóstico da Ferrugem da Soja identificado por Gilmar - Agrofel Grãos e Insumos.

 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é ser necessário ser cadastrado
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos