Agronegócio

Painel apresenta como desenvolver processo de gestão nas propriedades

Conhecer o custo é um dos principais desafios do produtor rural segundo especialista em palestra na Abertura da Colheita do Arroz
Por

O produtor rural precisa conhecer a realidade da propriedade que administra. Gerenciar questões como custos, endividamentos e créditos faz a diferença nos resultados do negócio. O engenheiro agrônomo, economista e sócio da Connectere AgroGestão, Marcelo Lagemann, apresentou nessa sexta-feira, dia 17 de fevereiro, na Abertura da Colheita do Arroz, na Estação Experimental do Arroz do Instituto Rio Grandense do Arros (Irga), em Cachoeirinha (RS), o painel "Foco na Rentabilidade: Gestão das Informações".

De acordo com Lagemann, custo é o assunto que todos os dias bate à porta do produtor. Para o pesquisador, é necessário ter informações precisas de gastos, por exemplo, com arrendamento e uso de fertilizantes, adubos e defensivos. “Quanto maior o custo, maior o endividamento”, afirma o especialista. Lagemann destacou, ainda, a necessidade de que cada negócio da propriedade seja analisado de forma separada.

Em relação aos processos de manejo, o engenheiro agrônomo pondera que uma lavoura bem feita é analisada no detalhe. “Não adianta aumentar a produtividade e levar todos os custos junto”, diz. Lagemann aproveitou a realização do painel para fazer um questionamento aos produtores: “como cuidar do verde se as contas estão no vermelho?” O pesquisador destaca que o pior erro é ter prejuízo e não saber de onde ele vem.

O agrônomo explicou que para desenvolver um bom processo de gestão é necessário interagir pessoas, processos e sistemas. Na sequência, informa o pesquisador, os dados, que são levantamentos isolados, precisam se transformar em informações, ou seja, indicadores consolidados de como está o negócio. Um outro desafio fundamental é o produtor, além de trabalhar satisfatoriamente os negócios, dedicar atenção especial às questões administrativas da propriedade.
 
Foto: Fagner Almeida/Federarroz/Divulgação

Atenção: Para comentar esse conteúdo é ser necessário ser cadastrado
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos